Espetáculo Joelma circula pela Bahia em julho

Posted by on jul 7, 2017 in Notícias | No Comments

O espetáculo Joelma – que conta a história de uma das primeiras transexuais da Bahia e do Brasil –  volta em cartaz na Bahia com cinco apresentações de 7 a 28 de julho, entre as cidades de Salvador, Jequié, Ipiaú e Feira de Santana. Nos seus 72 anos de vida, Joelma transitou por diferentes lugares passando por diversos acontecimentos. Sua história resguarda elementos relativos a questões de gênero e de religiosidade.

Joelma é uma adaptação do curta-metragem homônimo dirigido por Edson Bastos, que assina, junto com Fábio Vidal, a direção e autoria da peça. A versão para os palcos aprofunda inúmeras referências estabelecidas no filme, gerando uma nova obra experimental, que converge ao teatro, cinema e dança.

O texto aborda questões de gênero e de religiosidade, através da história de Joelma, repleta de preconceitos e injustiças. Na trama, Joelma – nascida em Ipiaú (BA) migra para São Paulo, onde vive por 30 anos, e faz a sua cirurgia de trangenitalização (mudança de sexo), para, enfim, retornar a sua cidade natal afirmando sua nova identidade.

A montagem volta a Salvador , para duas apresentações no Teatro Gregório de Matos, nos dias 7 e 8 de julho, às 19h. Jequié recebe uma sessão no dia 15 de julho, às 20h, no Centro de Cultura ACM. Já em Ipiaú , o espetáculo chega no dia 21 de julho, às 20h, no Auditório do CEI (Colégio Estadual de Ipiaú). Em Feira de Santana , a peça contará com uma sessão no dia 28 de julho, às 20h, no Centro de Cultura Amélio Amorim.

A programação da temporada contará ainda com performance pública (Joelma circula), workshops Teatro Físico e Técnicas de Produção Audiovisual, além de produção de conteúdos digitais divulgados. Os ingressos poderão ser adquiridos no local, no dia da apresentação, por R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia).

Sobre o espetáculo
Desde sua estreia em setembro de 2013, Joelma já realizou temporadas em Salvador, circulou pelas cidades baianas de Ipiaú e Alagoinhas, e se apresentou em importantes festivais brasileiros como FIAC – Bahia, Sesc das Artes Cênicas – Crato e Iguatu (CE), XV Festival de Inverno de Bonito (MS), XIV edição do FIT – Festival Internacional de Teatro de São José do Rio Preto (SP) e XVI Festival do Teatro Brasileiro – Cena Baiana, CCBB – SP, Festival Velha Joana – MT, MIT – JP.

Foi aprovado pelo Prêmio Myriam Muniz de Teatro 2014, pelas cidades de Brasília (DF), Goiânia (GO), Campo Grande (MS) e Cuiabá (MT). E ocupação dos centros culturais da Caixa nas cidades do Salvador (BA), Fortaleza (CE), São Paulo (SP), Recife (PE) e Curitiba (PR). Em agosto de 2016, Joelma se apresentou em Frankfurt, na Alemanha, no festival Sommerwerf, iniciando sua carreira internacional. Neste ano, a montagem foi selecionada entre 1.145 produções mundiais para realizar apresentações na Argentina, entre agosto e setembro.

Espetáculo Joelma
Período : 7 a 28 de julho
Ingressos : R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia)
Informações : (71) 9910-41250 ou terrritoriosirius@gmail.com
Classificação indicativa : 14 anos
Duração : 75 minutos

Salvador
Data: 7 e 8 de julho (sexta-feira e sábado)
Horário: 19h
Local: Teatro Gregório De Matos
Endereço: Praça Castro Alves, s/n
Horário da bilheteria: a partir de 17h nos dias de apresentação
Contato: (71) 3202-7888

Jequié
Data: 15 de julho (sábado) Horário: 20h
Local: Centro de Cultura ACM
Endereço: Praça Duque de Caxias, s/n
Horário da bilheteria: a partir de 18h no dia de apresentação
Contato: (73) 3527-5256

Ipiaú
Data: 21 de julho (sexta-feira)
Horário: 20h
Local: Auditório do CEI (Colégio Estadual de Ipiaú)
Endereço: Avenida Getulio Vargas, 845, Pd – Centro
Horário da bilheteria: a partir de 18h no dia de apresentação

Feira de Santana
Data: 28 de julho (sexta-feira)
Horário: 20h
Local: Centro de Cultura Amélio Amorim
Endereço: Avenida Presidente Dutra, 2222 – Capuchinhos
Horário da bilheteria: a partir de 18h no dia de apresentação
Contato: (75) 3612-4516

___________________________________________

Ficha Técnica
Fábio Vidal (Autoria, direção e atuação)
Edson Bastos (Autoria e direção)
Aetio Filho (Assistência de direção)
Luís Parras (Cenário)
Daiane Sarno (Assistente de cenografia)
Pedro Dultra (Iluminação)
Tuca Gomes (Operação de luz)
Maurício Martins (Figurino)
Francisca Duarte (Costureira)
Marie Thauront (Maquiagem)
Alê Estrela (Cabelos)
Luciano Simas e Ronei Jorge (Trilha sonora)
Davi Cavalcanti (Consultoria de projeção)
Henrique Filho (Registro Audiovisual e Prod. de VTs)
Biz Comunicação (Assessoria de imprensa)
Mel Andrade (Redes Sociais)
Kaula Cordier (Designer)
Alê Novhais (Fotografia)
Território Sirius e Voo Audiovisual (Produção)

Comentários